Se você assistiu e ama “Pose” série do FX que se encontra no catalogo da Netflix, definitivamente vai se identificar de primeira com “Legendary” – reality show da HBO Max onde oito casas disputam pelo status de “casa lendária” e cem mil dólares em diversos “ballrooms” (bailes criados nos Estados Unidos para que membros LGBTQA+ possam mostrar seus talentos de dança, vogue em desfiles, e muito mais).

Juntamos cinco motivos para você, assim como eu se encantar pelo reality. Confira:

1 – Bailes Temáticos:

Jurados da competição: Law Roach, Megan Thee Satallion, Jameela Jamil e Leiomy Maldonado – HBO Max/Reprodução

Assim como Pose, cada episódio da série uma temática que define todas as categorias da noite. As oito casas: (Escada, Larvin, Balmain, Gucci, Ninja, Ebony, St. Laurant e West) se apresentam para os quatro jurados: Megan Thee Stallion, Leiomy Maldonado, Jameela Jamil, Law Roach, além de um convidados especiais que estão presentes em determinados episódios. O programa é apresentado por Dashaun Wesley.

Cada casa é auxiliada por dançarinos profissionais e tem roupas desenhadas e produzidas Johnny Wujek (estilista de Katy Perry, responsável pelos figurinos da Prismatic Tour, California Dreams e Witness Tour). – Você vai ficar passado com cada integrante se comporta nas temáticas apresentadas.

2 – O baile é difinitivamente para todos:

House Of Ninja – HBO Max/Reprodução

As casas são formadas por integrantes de todas as siglas LGBTs, além de uma inclusão social entre raças, etnias e corpos. Sempre há episódios onde todas essas caracteriais são ressaltadas – sem padrões ou esteriótipos (pré definidos na comunidade e que precisam ser quebrados todos os dias).

Sem dúvida, Lengedary contribui para identificação e na auto estima de quem assiste. Inclusive, é bom lembrar que uma das casas é compostas por mulheres cis e asiáticas (House Of Ninja) que mostram em cada episódio que o “ballroom” não é apenas para pessoas LGBTQs e sim para todos (com respeito aos membros da comunidade).

3 – Tão clássico e tão atual:

HBO Max/Reprodução

Os bailes possuem diversas categorias onde o Vogue é muito presente (estilo de dança inspirado nas poses de revista, criado nos bailes de Nova York e popularizado por Madonna em 1990) – além de resgatar os valores dos antigos passos de dança, existem diversas categorias muito atuais do estilo, também para mostrar o quanto os bailes foram evoluindo ao longo dos anos, longe dos holofotes.

É possível ver esse estilo de competição se tornando cada vez mais popular e inovando a cada episódio da série.

4 – Não se trata só de uma competição:

HBO Max/Reprodução

Como dito, anteriormente, as casas são formadas por membros de todas as siglas da comunidade – há diversas histórias de inclusão, superação e quebra de preconceito de cada membro presente na competição, além da proteção dos “pais” e “mães” de cada casa.

Cada pessoa na competição tem uma história tocante, novamente criando uma identificação social pra quem assiste e dando visibilidade para gêneros que são marginalizados e esquecidos pela própria comunidade.

5 – A série é um passo para comunidade LGBTQA+

HBO Max/Reprodução

Ver uma série como essa ser produzida por uma empresa grande como HBO mostra uma grande vitória, não só para os integrantes dos bailes nos Estados Unidos, mas para a comunidade em geral.

Legendary pode ser o primeiro passo para que diversas outras competições que trazem holofotes para os LGBTs, na busca de mais respeito, visibilidade, além da inclusão social, racial, quebra de padrões.

Achamos que Legendary pode ser um marco na história contra o preconceito, assim como Rupaul, Pose e diversas outras séries que abriram portas nesse meio!

Confira o trailer promocional da série:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s